Top viewTop view of manager and employee doing teamwork in business office , looking at charts on laptop display. Finance paperwork with charts at workplace. Discusing financial plan.

Como a TI é Fundamental para o Planejamento Estratégico das Empresas

Muito se fala sobre Transformação Digital e os benefícios que esse processo trará para a sociedade como um todo, com um destaque para as organizações que conseguirão expandir a experiência tecnológica do usuário para criar mais valor e produtividade. As empresas mais preparadas para o futuro são aquelas que percebem e respondem de forma proativa às novas tendências, antecipando mudanças e resolvendo problemas antes que eles se concretizem.

A tecnologia se tornou um aspecto essencial para o sucesso das empresas, mas uma pesquisa recente do Gartner descobriu que apenas 38% das organizações têm um processo formal para definir tendências e dirigir esforços que aproveitem o impacto da TI sobre o planejamento estratégico. Isso significa que, para a grande maioria das empresas, a definição de novas tecnologias é feita de forma pontual, reativa e sem uma visão dos ganhos a longo prazo para o negócio.

Planejamento Estratégico


O termo “Estratégia” está relacionado ao entendimento comum sobre o que a empresa deseja alcançar e como esse objetivo será alcançado. Nesse sentido, o planejamento estratégico serve como uma ferramenta para preencher a lacuna dessa direção geral para os projetos específicos e ações do dia-a-dia que executam a estratégia definida. Existem planos estratégicos, táticos e operacionais que devem ser levados em consideração para essa execução.

Qual a relação do planejamento estratégico com a tecnologia da informação? Enquanto uma ferramenta importante para ajudar os líderes a melhorar o foco e a capacidade de resposta das atividades para alcançar a sua estratégia de longo prazo, o PE deve considerar os ativos mais importantes para a manutenção e sobrevivência da empresa, bem como os meios de facilitar a execução da estratégia por parte dos funcionários.

É aí que a TI deve ser destacada, pois está diretamente relacionada à produtividade, segurança e lucratividade do negócio. Os custos envolvendo a área devem ser tratados como um investimento ao invés de um gasto, levando em conta o ROI das soluções e os resultados que podem ser obtidos através de parcerias com fornecedores e prestadores de serviço que podem ajudar os profissionais de tecnologia na seleção de investimentos mais convenientes para o ambiente e estratégia da empresa.


Impactos estratégicos

Os impactos estratégicos da TI são percebidos a curto, médio e longo prazo, sendo refletidos diretamente na produtividade de vários departamentos das empresas e no relacionamento com colaboradores, fornecedores e clientes. No cenário de transformação digital, novos desafios surgem para a área de tecnologia de informação, não só relacionados à capacidade de adaptação, mas também com as novas camadas de risco que surgem todos os dias.

Aumento de receita: seja qual for o âmbito dos investimentos de uma organização, o aumento de receita acaba sempre sendo o objetivo final, e com tecnologia da informação especialmente, espera-se que os investimentos retornem em forma de redução de paradas e custos operacionais, maior capacidade de produção e facilidade de gerenciamento, aspectos que a longo prazo resultam em aumento da receita.

Melhoria da qualidade: A tecnologia é uma forma de agregar mais qualidade e produtividade às organizações, contribuindo para inovação dos processos e satisfação de colaboradores e clientes, entrega de força de trabalho remota e continuidade de negócios, melhoria na reputação e mais inovação, sistemas e apps para o time de TI.

Redução de riscos: Os principais riscos das organizações atualmente incluem infecções por ransomware, perdas ou vazamento de dados e falta de conformidade, especialmente no contexto da LGPD. Empresas com uma estratégia sólida e proativa entendem que os investimentos em tecnologia atualmente devem envolver muito mais do que ações já consideradas básicas como a adoção de firewall, backup e antivírus para evitar essas ameaças.

Insights para decisões: Quais são os próximos passos após a adoção de uma solução? Como obter o máximo de vantagens do meu investimento? A tecnologia nunca para, e muitas vezes as próprias soluções já oferecem recursos que permitam a tomada de decisões, seja através de relatórios ou de NOCs que permitem a visualização em tempo real.

Impactos táticos e operacionais

Muito é exigido dos departamentos de TI quanto à execução de projetos e atividades estratégicas, mas grande parte das equipes se ocupa diariamente em tarefas reativas de apagamento de incêndios e que a longo prazo não agregam valor estratégico. A alta performance e qualidade nos níveis tático e operacional são essenciais para o bom andamento do planejamento estratégico, pois evidenciam que a TI está atuando de forma eficaz no atingimento dos objetivos da empresa.

Melhor governança: o termo se refere aos processos e recursos que garantem que ações sejam tomadas a fim de proteger os recursos e informações da organização de maneira eficaz e eficiente, para atingir os objetivos do negócio. O controle e visibilidade das informações, sistemas e ativos da empresa estão englobados na governança e impactam em fatores como controle de riscos, gerenciamento de direitos de responsabilidade e decisão.

Redução de riscos: uma das maiores preocupações dos times de TI é reduzir riscos que podem prejudicar todo o ambiente e trazer prejuízos imensuráveis. O investimento em ações que aumentem a capacidade de retomar as operações em caso de incidentes, segurança em trabalho remoto, segurança nas conexões e nuvem, por exemplo, refletem em vantagens como resposta acelerada a incidentes de segurança, modernização da infraestrutura e conformidade.

Facilidade de gerenciamento: Evitar esforços desnecessários com processos e produtos ineficazes, acelerar a resposta a incidentes de segurança, habilitar planos de recuperação e ter mais visibilidade do ambiente devem ser prioridades do time de TI e que também precisam ser devidamente priorizados na estratégia da empresa. A velocidade e a disponibilidade dos sistemas estão diretamente ligadas a rentabilidade do negócio, embora muitas vezes os tomadores de decisão não tenham uma verdadeira dimensão disso.

O impacto crescente da tecnologia da informação, infraestrutura de TI e conectividade reforça o destaque do time técnico direta ou indiretamente em todas as áreas do negócio, por isso, essa equipe precisa ser inclusa de forma efetiva nos esforços estratégicos das empresas. Visite o nosso site e saiba como apoiamos a TI estrategicamente para CEOs, CIOs e Analistas.



Próximo artigo: Não se contente com o básico do Firewall

Compartilhe esse Post

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

VDI: Fique por dentro dessa tecnologia

Na área de tecnologia da informação temos que ser flexíveis em relação as mudanças e novos conceitos. Levando isso em consideração, vamos explicar o conceito