cyber-security-digital-data-protection-concept_Easy-Resize.com

Fique por dentro das últimas tecnologias de cibersegurança.

Saiba como as empresas que estão a frente das tendências de transformação digital tem lidado com a cibersegurança e quais as principais ferramentas/conceitos aplicadas atualmente.

NEXT GENERATION FIREWALL

Os NGFW, também conhecidos como Firewalls de Próxima geração, filtram o tráfego da rede para proteger organizações contra ameaças internas e externas. Com recursos que proporcionam a capacidade de identificar ataques, malwares e outras ameaças, como filtragem de pacotes, compatibilidade com IPsec e VPN SSL, monitoramento de rede e mapeamento de IP, são uma alternativa mais adequada à obsolescência dos firewalls tradicionais, que não conseguem oferecer uma proteção em grande escala, essencial no contexto de nuvem e de ameaças que se expandem em tempo real.

SD-WAN

A SD-WAN (solução de rede ampla definida por software) oferece uma série de benefícios, como a seleção dinâmica de caminhos entre as opções de conectividade, MPLS, 4G/5G ou banda larga, para que as aplicações de nuvem sejam acessadas mais rapidamente. Além disso, utiliza a WAN corporativa e conectividade multinuvem para oferecer um desempenho de alta velocidade para filiais ou diferentes ambientes de rede, oferecendo conectividade rápida, escalável e flexível, bem como melhor experiência do usuário.

SASE

O SASE (Serviço de acesso seguro de borda / Secure Access Service Edge) ajuda a levar segurança a todas bordas de nuvem, solucionando problemas comuns de organizações de grande porte, relacionados a escalabilidade e infraestrutura. No contexto atual de segurança da informação, com redes distribuídas e trabalho remoto, as estratégias tradicionais de segurança não atendem mais às necessidades básicas das empresas, e cada vez mais é preciso adotar uma estratégia de rede e segurança que combine com os recursos de WAN, atendendo aos requisitos atuais de acesso dinâmico e seguro as borda de nuvem atual.

SEGURANÇA DE E-MAIL

Por ser uma ferramenta essencial para a comunicação e produtividade, o e-mail acaba sendo um dos principais meios de ataque entre criminosos virtuais que tentam roubar credenciais, dados e fundos das organizações. A segurança de e-mail deve fornecer proteção multicamadas, auxiliando na prevenção, detecção e resposta a ameaças como spam, phishing, malware, ameaças de dia zero, entre outras.

SIEM

O conceito de SIEM está relacionado a informações de segurança e gerenciamento de eventos, sendo aplicado a necessidade das organizações de proteger a infraestrutura, aplicações e endpoints, com visibilidade dos dispositivos e de toda a infraestrutura em tempo real. O avanço da transformação digital faz com que a superfície de ataques aumente drasticamente, dificultando cada vez mais o gerenciamento de segurança, com uma série de alertas e informações geradas por vários dispositivos. As empresas devem optar por soluções que reduzam essa complexidade no gerenciamento das operações, melhorando a detecção das violações e prevenindo ataques.

SIEEDR

A proteção de endpoints via EDR (detecção e resposta a ameaças) pode ser uma alternativa eficaz para empresas que desejam se proteger, desde que não sejam soluções legadas e que exigem triagem contínua e respostas manuais que não conseguem acompanhar aos ritmos dos ataques, além de sobrecarregarem as equipes de segurança. O ideal é que as organizações contem com proteção avançada em tempo real, automatizando os procedimentos de resposta e remediação com manuais personalizáveis. A solução EDR funcional é aquela que reduz proativamente a superfície de ataque, evita infecções por malware, detecta e desativa ameaças sem impactar os negócios e retardar processos.

XDR

XDR (detecção e resposta estendidas) é uma extensão natural do conceito de detecção e resposta de endpoint (EDR), com a diferença básica sendo o local onde os comportamentos ocorrem, monitorados em busca de atividades maliciosas, suspeitas ou arriscadas. Essas soluções estão em alta porque as empresas tem percebido cada vez mais que as infraestruturas de segurança compostas por muitos produtos individuais de diferentes fornecedores são menos eficazes devido a dificuldade de gerenciamento, com lacunas de segurança, volume excessivo de informações e resposta descoordenada, fatores que sobrecarregam as equipes de TI e vão contra as tendências de transformação digital. O ideal é buscar consolidar fornecedores e produtos de segurança, favorecendo conjuntos de soluções integradas.

GERENCIAMENTO DE ACESSO E IDENTIDADE

Muitas das violações de segurança da atualidade foram causadas por contas de usuários e senhas comprometidas, além do nível de acesso inadequado dos colaboradores. Isso porque os ambientes de identidade corporativa são compostos por vários sistemas de registro, com dispositivos de rede, servidores, diretórios e aplicações de nuvem. Para obter um gerenciamento seguro e eficaz, é crucial contar com autenticação e autorização de identidade para todos os sistemas e aplicações.


Saiba mas sobre essas inovações tecnológicas e conheça quais são as soluções mais adequadas às necessidades da sua empresa. Fale com um de nossos executivos!

Compartilhe esse Post

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email
lgpd-dados

Você sabe o que é a LGPD?

A sigla se refere a Lei Geral de Proteção de Dados (Lei nr 13.709) sancionada em 14 de agosto de 2018 e que entrará em