Tribunal de Contas (AM) perde 16,5 mil processos com erro da TI

 

| Notícias | Backups

Dois servidores públicos foram responsáveis pela perda de 16,5 mil processos eletrônicos do Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM), excluindo acidentalmente dados de dois softwares utilizados.  Uma execução indevida de script (sequência de comados) que foi executado sem a devida checagem, resultando no incidente que afetou o servidor de dados, que representava 80% de processos de aposentadoria.

O problema ocorreu por “excesso de confiança e falta de responsabilidade” por parte dos dois servidores, explicou o conselheiro Airy Moutinho Júnior. Um deles mexia diretamente com o PostgreSQL, que alimentava o Spede e o e-Contas, e o outro por saber das limitações do backup e da necessidade de ampliação do mesmo e não tomar as providências necessárias como gestor. Em resumo, foi uma tremenda falha humana que resultou em prejuízos financeiros, morais e administrativos para a instituição.

Visando resolver o problema o TCE-AM contratou uma empresa especializada na recuperação dos dados, que felizmente neste caso vem conseguindo resolver o problema. Até o dia 03/10,  62%  havia sido recuperado e os outros 38%  em fase de recuperação. Apenas com essa prestação de serviços foi gasto R$ 33 mil, além de outros prejuízos que estão relacionados.

Este é um infeliz caso que evidencia sobre a importância de uma logística bem elabora para execução de backups e um bom plano de recuperação de dados, visando evitar prejuízos dessa natureza, que em alguns casos pode inviabilizar totalmente o negócio. E no atual mercado deste segmento a terceirização do serviço gerenciado de backup e disaster recovery vem se mostrando a melhor opção para empresas de todos os portes. 


 

Copyright © 2012-2014 Integratto Tecnologia. Todos os direitos reservados. By Nébadon.